WhatsApp pago? É isso mesmo?

Publicado: 01/02/2013 em TecDica
Tags:, , , , , , , , ,

Imagem
Nas últimas semanas, um boato tem se espalhado pela internet: O WhatsApp passará ser um serviço pago a partir dos próximos meses. Muitos usuários do aplicativo mais popular de mensagens instantâneas via 3G estão recebendo um recado dos amigos assinado pelo suposto CEO da empresa, Marcos Fillardi, informando que o WhatsApp passará a ter uma mensalidade de 2,99 dólares, cobrada apenas de quem usa pouco o aplicativo.

E outra, os usuários mais frequentes não terão que pagar a mensalidade, mas devem enviar a mensagem para ao menos 20 contatos para não ter sua conta bloqueada e, caso não haja o repasse da informação, a recuperação da conta custaria 20 dólares. Aí você pensa, será que isso é verdade?
Imagem

Exatamente como a mensagem diz, não. O recado escrito com abreviaturas e até erros de ortografia, é falso. Assim como acontecia nos e-mails e nas redes sociais Orkut e depois Facebook, as correntes enganosas desembarcaram no WhatsApp.

O boato sobre a cobrança do WhatsApp é um golpe antigo, já tem mais de um ano e nasceu nos Estados Unidos. No Brasil, os usuários começaram a compartilhar um recado parecido no fim de novembro do ano passado. A grande diferença entre as mensagens (a antiga e a nova) é o nome do CEO da empresa, que antes era Jim Balsamic e agora é Marcos Fillardi. Na verdade, o CEO e co-fundador do WhatsApp se chama Jan Koum.

Mas a mentira repassada pelos usuários não está totalmente errada. O WhatsApp tem um aviso nos termos de serviço que diz que depois de um ano de uso do aplicativo para celular, você deverá pagar U$0,99. Confira aqui a informação no site oficial. Entretanto, a empresa ainda não começou a cobrar pelo serviço. E talvez nunca chegue a fazer isso, pode ser apenas uma ressalva caso o WhatsApp decida um dia tarifar o envio de mensagens. Conclusão: o WhatsApp é um serviço gratuito. Ao menos por enquanto.

Update

IMPORTANTE: Caso o WhatsApp exiba uma mensagem dizendo que você precisa pagar pelo uso do serviço no Android, BlackBerry e Windows Phone, tente reinstalar o aplicativo. Assim como funciona a licença do antivírus Avast, seu ano grátis será renovado.

About these ads
comentários
  1. Naquelas né, porque eu paguei um dólar pra ter no iPhone haha
    Curti o texto! =)

  2. Zedeck disse:

    Pelo que sei no IOs é 1 dólar pra sempre. No Android é 1 dólar por ano, sendo o primeiro ano “grátis”. O meu aqui diz restar 4 meses para cobrar o serviço.

    • Lucas Agrela disse:

      Exato, Zedeck. Mas se você remover e reinstalar o app no Android, você ganha mais um ano de uso gratuito.
      Abraço!

  3. Bruno disse:

    como você faz pra saber quanto tempo falta pra começar a pagar? de que forma é feita a cobrança do serviço?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s